Arquivos do Blog

Reishi – Propriedades e Benefícios

reishi-on-logReishi / Ganoderma Lucidum

O Reishi é um cogumelo ( Ganoderma Lucidum ), que vem sendo estudado há mais de 30 anos, pelos estudos comprovados das suas vantagens e propriedades benéficas para a saúde.

O Dr. Shi Jean Lee, um famoso médico que viveu durante a dinastia Ming, falou sobre a eficácia do Reishi no seu livro ” Ban Chao Gang Moo ” ( A grande Farmacopeia ), ele tomava Reishi diáriamente e ajudou-o a ter uma vida mais longa e saudável, sendo muito dificil a ingestão deste fungo no seu estado natural, pois tem um gosto amargo desagradável, motivo por que as empresas que comercializam estes produtos o combinaram com outros produtos como o chá ou o café, ou mesmo em cápsulas para facilitar a ingestão e a digestão do mesmo.

O Reishi tem uma grande quantidade de ácidos insaturados, alcalóides, polissacáridos naturais e minerais abundantes como o cálcio e o germânio, é um super-alimento considerado com adaptogeno, pois nutre o corpo e ajuda-o a superar situações de grande esforço físico e mental.

Origem e Descrição

É um fungo tenro ( quando fresco ), suberoso e achatado, com um chapéu conspícuo de cor avermelhada e em forma de rim, dependendo da idade do cogumelo, tem esporos brancos ou acastanhados na sua parte inferior, liberta os seus esporos através de finos poros situados na parte de baixo do chapéu e é classificado como um poliporo.

Apenas duas a três em cada 10.000 árvores idosas tem caracteristicas para o crescimento de Reishi, pelo que a sua forma silvestre é geralmente rara, actualmente o Reishi é cultivado ao ar livre em troncos ou em leitos de lascas de madeira deste tipo de árvore.

Composição quimica do Reishi

O Reishi tem mais de 150 anti-oxidantes e mais de 200 fito-nutrientes, no entanto alguns deles são mais benéficos e as suas caracteristicas são benéficas para a maior parte das patologias conhecidas :

  • Polissacarídeos, peptidoglicanos e heteropolissacáridos
  • Triterpenos ( ácidos ganodéricos de A a Z ) de actividade anti-histamínica ( A, C e D ), hepatoprotectiva ( R ), anti-hipertensiva ( B, D, F, H, K, S, Y ), hipocolesterolémica ( M e F ), inibidora de ECA ( Ganoderol B ) e anti-agregantes plaquetários.
  • Minerais ( ferro, zinco, manganês, magnésio, potássio, germânio, cálcio )
  • Vitaminas do complexo B ( especialmente vitamina B9 )
  • 17 aminoácidos, todos essenciais ao nosso organismo
  • Esteróis e substâncias semelhantes á cortisona
  • A adenosina e guanosina tem um efeito anti-plaquetário, relaxante muscular ( musculo esquelético ) e CNS sedativo.

Propriedades do Reishi

Existem vários estudos sobre os benefícios do Reishi, de todos já efectuados foram conhecidos os efeitos em :

  • Fadiga crónica e sempre que precisamos de impulsionar o sistema iminulógico
  • A sua acção anti-oxidante faz do Reishi um bom aliado na luta contra os radicais livres
  • Tradicionalmente recomendado para os problemas da ” mente “, como a insónia, ansiedade e stress
  • Excelente aliado no combate e cura de doenças auto-imunes, infecções virais, diabetes, melhora a função mental e úlceras.
  • Bom complemento a doenças cardiovasculares, pela sua capacidade de reduzir o colesterol, a hipertensão, os efeitos anti-plaquetários, anti-coagulantes, pesquisas e estudos efectuados na China, revelaram que o Reishi melhora o fluxo sanguíneo e baixa o consumo de oxigénio do musculo cardiaco.
  • Em 1990, pesquisadores do Centro de Ciências da Saúde da Universidade do Texas, descobriram que o Reishi é eficáz na osteo- inflamação, rigidez do pescoço e espasmos musculares.
  • O Reishi é frequentemente utilizado na China para o tratamento de problemas de fígado como a hepatite e a cirrose
  • Colabora na luta contra as doenças alérgicas como a asma e a dermatite.
  • No Japão tem sido realizados estudos intensivos em que ficou comprovado o benefício do Reishi no tratamento de doenças cancerigenas, graças aos polissacarídeos do tipo beta-D-glucana, que fortalecem o nosso sistema imunológico, aumentando ainda mais a sua eficácia com altas doses de vitamina C, ( a dose deve depender de cada caso e deve ser recomendada e acompanhada pelo médico ).

Efeito sobre o sistema imunológico:

  • Isola, retarda e reduz a produção e secreção excessiva de histamina, melhorando, assim, a asma brônquica e a bronquite crônica.
  • De acordo com o Dr. Andrew Weil, da Universidade de Harvard, identificou compostos de lanostina no Reishi que tem um efeito tônico sobre pessoas com asma e outras alergias.
  • Melhora o funcionamento das glândulas supra-renais, normalizando sua secreção de hormônios.
  • Impede a predisposição alérgica.
  • Quanto as doenças relacionadas com a imunidade, regula a resposta imunitária.
  • Reduz alguns sintomas de doenças auto-imunes (por exemplo, a artrite reumatóide), tais como a dor devido à endorfina na sua composição. Também diminui a inflamação devido ao seu ácido ganoderico lanostina D.

Efeito cardiovascular:

  • Efeito hipotensor: Pode diminuir entre 10 e 20% da pressão arterial, tanto sistólica e diastólica.
  • Tonico para o coração: melhora o fluxo sanguíneo para o coração, reduz o consumo de oxigênio do músculo cardíaco, é útil no tratamento da angina de peito.
  • Hipercolesterêmico: devido à presença de lipoproteína de baixa densidade (ácido oléico), diminui a concentração de colesterol em mais de 50% dos pacientes que utilizam o fungo durante mais de 4 meses. Estudos clínicos mostram reduções significativas nos níveis das triglicérides e da glicose.
  • Anti-arteriosclerotico: diminui a produção da placa de ateroma, que restringe o fluxo de sangue através do estreitamento das artérias, resultando em aterosclerose.

Efeito Adaptogeno:

  • Reduz os sintomas de fadiga.
  • Reduz o estresse e fadiga crônica.
  • Melhora alguns sintomas de distúrbios neuropsiquiátricos, tais como a insônia, Alzheimer anorexia nervosa.

Efeito Purificante:

  • Tem função purificante do sangue e função reguladora sobre o sistema imunológico.
  • Normaliza e equilibra as diferentes funções do corpo sem causar efeitos nocivos (adaptogeno).
  • Seu principal mecanismo de ação é o sangue; através dela limpa e remove o excesso de impurezas, facilitando o bom funcionamento do sistema circulatório e a promoção da resposta imunitária.
  • Ativa as defesas próprias e originais do corpo.

Efeito protetor do fígado:

  • Restaura e normaliza o funcionamento das células hepáticas danificadas. (Regeneração do fígado).
  • Redução da inflamação do fígado, graças à ação regenerativa dos polissacarídeos, melhorando a hepatite.
  • Acelera a decomposição do álcool.
  • Previne a oxidação causada por substâncias tóxicas.
  • Previne os estados cirróticos.

Efeito sobre Diabetes:

  • Tem ação semelhante à insulina, glicose inibe a síntese e facilitam a sua entrada nas células.
  • Reduz os níveis de glicose no sangue.
  • Melhora os sintomas da diabetes.
  • Melhora a resposta auto-imune no caso do diabetes tipo Mellitos
  • Previne o diabetes e evita complicações.

Efeito na próstata:

  • Tem sido demonstrado por pesquisas realizadas pelo professor Fujita R. e seu equipo da Faculdade de Agronomia da Universidade de Kyushu no Japão que o Reishi contem extratos que produziram a maior atividade inibitória da 5-alfa-redutase, para que o tratamento inibe significativamente o crescimento da próstata induzido por hormonas. Em conclusão, o Ganoderma lucidum (Reishi) pode ser útil para o tratamento da hiperplasia prostática benigna.
  • Normaliza a pressão arterial (adaptogeno). Os Tripéatenos identificados no Reishi reduzem a pressão sanguínea elevada.

Efeitos colaterais e secundários

Os efeitos colaterais do reishi incluem tonturas, secura da boca e da garganta, sangramento nasal e desconforto abdominal; no entanto estes efeitos são raros e podem aparecer com um uso contínuo e exagerado depois de longos períodos. As mulheres grávidas e lactantes devem consultar um médico antes de tomar o Reishi.

O Reishi não é um medicamento, é um poderoso regenerador celular que deve ser utilizado conforme cada tipo de patologia de modo a ajudar e não prejudicar o organismo.

Reishi Portugal

Reishi no combate à Fibromialgia

2000px-Sintomas_de_la_fibromialgia-es.svg
 Há muitos estudos que mostram que os cogumelos ou fungos se englobam num agrupamento chamado basidiomicetos. Os fungos crescem principalmente em todos os tipos de matéria orgânica, e sua principal função é a quebra desta matéria orgânica em compostos utilizáveis ​​e digestíveis conhecidos como polissacarídeos

Estes fungos encaixam-se em três grupos principais de compostos quimicos, que são responsáveis por muitos dos efeitos medicinais encontradas nos cogumelos

Polissacarídeo-proteína complexes- Estes compostos oferecem capacidades de fortalecimento do sistema imunológico. São também conhecidos como Echinacea, Aloe Vera, Ginseng, e astrágalo.
Triterpenes – Fornecem propriedades esteróides que são semelhantes ao nosso próprio sistema -hormonal endócrino. TRITERPENOS Compostos – trabalham como comunicadores hormonais para equilibrar e tratar muitos problemas a partir do sistema endócrino.

Azoto – contém compostos que são importantes para o nosso sistema nervoso, e energia. Eles são semelhantes aos blocos de construção do nosso material genético básico de RNA.

Tipos de cogumelos médicos para tratar

Fadiga Crônica e tratamento da fibromialgia

Cogumelo Reishi Cogumelos medicinais para o tratamento da fibromialgia e fadiga crônica

Cogumelos Reishi (Ganoderma lucidum) são fungos surpreendentes, já que contém mais de duas centenas de ingredientes únicos e ativos que podem ser obtidas a partir de qualquer fonte de conhecimento da planta. Para quem sofre de fibromialgia o Reishi é melhor tomado como um extrato, porque pode ser difícil de digerir na sua forma normal. É um antioxidante poderoso com acção antimicrobiana, combate bactérias, vírus, estimulam o sistema imunológico, e acalmam o sistema nervoso autonômico.

Os cogumelos Reishi são particularmente eficazes para a fibromialgia, devido ao fato de que ele ajudar a reduzir a espasticidade dos músculos, síndrome do intestino irritável, colite, úlceras, espasmos bronquiais, e isso ajuda o fígado a desintoxicar resíduos.

Cordyceps sinensis (Dong chong xia cao) Ele tem um nome engraçado, o fungo Caterpillar, que é resultante do fato de que ele pode cantar sobre lagartas. Ele não é tão bem conhecido ou pesquisado como algumas outras espécies de cogumelos, mas Cancer Research UK sugere que pode ser útil no tratamento de pacientes com câncer, pacientes com AIDS e pacientes reprimidas imunes. Ele contém polissacarídeos e esteróis ativos, e estudos mostram que Cordyceps sinensis é útil e reforça as capacidades da imunidade mediada por células e sua capacidade de endurecer o oxigênio dos radicais livres ao apoiar sistemas de bioenergia celulares. É a capacidade de aumentar o consumo de oxigênio que faz com que seja útil para quem sofre de asma, inflamação brônquica, alergias, e muitos atletas usam-no para se apresentar no máximo de sua capacidade pulmonar.

Cordyceps sinensis foi comprovado o seu benefício para ajudar a aliviar a ansiedade, a tratar a insônia, aumentar a energia, melhorar o sistema imunológico, e para limpar as toxinas dos rins, pulmões, e linfáticos. Muitos pacientes com fibromialgia acham que ele é útil para tratar fadiga, exaustão, e fornece energia e aumento da resistência.

Cogumelos Maitake (frondosa de Grifola) – contêm polissacarídeos que se ligam às proteínas e fornecem uma incrível fortificação do sistema imunológico. Muitos pacientes com AIDS acham que ele pode retardar a progressão da doença debilitante. Cogumelos Maitake fornecem; propriedades anti-câncerigenas que podem reduzir tumores, reduzir os efeitos colaterais da quimioterapia, pressão arterial, estabilizar o açúcar no sangue em diabéticos, e diminuem a inflamação nas articulações.

Cogumelos Shiitake (Lentinus edodes) têm sido estudados e considerados muito benéficos na redução de condições inflamatórias, dermatite, cirrose hepática, esclerose vascular, hipertensão arterial, colesterol no sangue. De fato, em 2002, o Jornal de Medicina Alternativa e Complementar relatou que pesquisadores japoneses tinham provado que os cogumelos Shitake reduziram o colesterol.

Outros estudos comprovaram que ele tem capacidades anti-tumorais que inibem o crescimento de certos tipos de câncer, mas há outros estudos que mostram que é útil no tratamento de sintomas de fadiga crônica, e fibromialgia.

Reishi Portugal

Ganoderma lucidum: A Medicina Natural Preventiva

  ganoderma-tsugae_ws

Ganoderma lucidum é o primeiro cogumelo conhecido para ser usado para benefícios para a saúde.

Por milhares de anos, tem sido utilizada na medicina asiática, também conhecido como Reishi ou Lingzhi, o cogumelo cresce naturalmente como um parasita em árvores nos trópicos e zonas temperadas de todo o mundo. Ele se alimenta de folhas mortas de bordo, carvalho e outras árvores de folha larga. Com o crescimento da pesquisa científica, qualidades medicinais do cogumelo agora estão sendo cada vez mais reconhecida no oeste.Ganoderma lucidum tem sido usado como um remédio médico na China, Coréia e Japão há séculos. Este cogumelo comestível é considerado para preservar a vitalidade humana e promover a longevidade. Funções do Ganoderma lucidum como uma erva medicinal preventiva. Ele funciona para ajudar o sistema imunitário do organismo, bem como a saúde geral dos nossos órgãos internos. Ela actua como um antifúngicos, antihipotensor, antivirais, e o agente antiinflamatório. Ele também funciona para impedir a disseminação de células tumorais ou cancerosas, como parte das suas propriedades antitumorais. Além disso, ervanários usam Ganoderma lucidum para tratar várias doenças, incluindo alergias, artrite, bronquite, úlcera gástrica, hiperglicemia, hipertensão, hepatite crônica, doença hepática, insônia, nefrite, esclerodermia, inflamação e câncer. Ele tem também benefícios no tratamento de tumores sistémicos, desintoxicar o corpo através de limpeza do fígado, bem como tratamento para a doença do coração. As suas propriedades antioxidantes que permitem reduzir os sinais de envelhecimento, e também trata hipertensão.

ingrediente activo
Ganoderma lucidum contém mais de 200 elementos ativos. Os elementos ativos que ocorrem mais frequentemente em Ganoderma lucidum incluem polissacarídeos, germânio orgânico, a adenosina, triterpenóides, e essência ganoderic. Estes compostos ativos ajudam a impulsionar o sistema imunológico humano. Eles fazem isso por meio do fortalecimento dos linfócitos e macrófagos, células de imunidade importantes. Além germânio orgânico, triterpenos e polissacáridos também pode melhorar a composição de células de linfócitos e macrófagos individualmente para libertar Factor de Necrose Tumoral (TNF) e de interferão, que destroem mais células cancerosas. A investigação revelou que Ganoderma lucidum erva aumenta de forma eficaz de interferão alfa e interferão gama nível no corpo humano para reforçar e regular o seu sistema imunitário.

benefícios

A pressão arterial: Os estudos têm mostrado que Ganoderma lucidum inibe a agregação de plaquetas, assim, reduzindo a pressão arterial. Em estudos de pessoas com hipertensão, os investigadores concluiram que a pressão arterial foi significativamente reduzida ao longo de um tempo de duas semanas, com suplementação de reishi.
Sistema imunológico: Ganoderma lucidum é comumente prescritos por profissionais de suporte ao sistema imunológico de longo prazo. Estudos têm mostrado que depois de tomar Ganoderma lucidum por trinta dias, os pacientes com tumores avançados foi encontrado um efeito imunomodulação marcada como demonstrado por um aumento em linfócitos T e diminuição da contagem de CD8. Os pesquisadores também relataram efeitos colaterais reduzidos de quimioterapia ou radioterapia, bem como uma melhoria na recuperação pós-operatória.
Açúcar no sangue: Estudos têm demonstrado que Ganoderma lucidum tem um efeito de açúcar no sangue diminuindo. Grande parte dessa atividade parece ser devido seus polissacarídeos. Existem três principais mecanismos por trás desse açúcar no sangue efeito redutor. Isto inclui a capacidade de Ganoderma lucidum de elevar os níveis plasmáticos de insulina, para melhorar a utilização do tecido periférico da glicose, e para aumentar o metabolismo de glicose pelo fígado.
Os efeitos antiinflamatórios: De acordo com um estudo de Dezembro de 2009, Current Pharmaceutical Biotechnology, Ganoderma e tem propriedades antiinflamatórias imunomoduladores, tornando-o útil para o tratamento de doenças inflamatórias e auto-imunes crónicas, tais como artrite. Anotehr estudo descobriu que 50 miligramas de reishi pó tinha efeitos comparáveis aos 5 miligramas de hidrocortisona, um corticóide usado para tratar a dor da artrite e inflamação.
Oxigenação: Um dos usos exclusivos de Ganoderma lucidum é para a doença de altura. Reishi parece reduzir a doença de altura por oxigenar o sangue. Este benefício foi encontrada pela primeira vez em alpinistas asiáticos que ascenderam montanhas tão alto quanto 17.000 pés com a reação mínima.

remédios

Pode prevenir o câncer: Ganoderma lucidum erva é rico em germânio orgânico, Triterpenes e polissacarídeos. Estes componentes ativos fortalecem o sistema imunológico. Os componentes activos de Ganoderma lucidum erva reforçam os linfócitos T e macrófagos, células chave de imunidade. Por sua vez, estas células da imunidade agem para destruir as células anormais, como as células cancerosas, e por isso pode ajudar na prevenção e tratamento do câncer, embora mais pesquisas são necessárias.
Saúde do sistema imunológico: Estudos têm demonstrado que Ganoderma lucidum também contém polissacarídeos, que ajudam a fortalecer o sistema imunológico, e pode ajudar a retardar o processo de envelhecimento.
Neuralgia e insônia: investigação farmacológica mostra que Ganoderma lucidum erva tem um efeito calmante e sedativo sobre o sistema nervoso. É, portanto, particularmente eficazes no tratamento de neuralgia e insónia. Além disso, o uso desta planta para os nervos também pode ajudá-lo a melhorar o sono e apetite, aumentar a energia, melhorar a memória, e recuperar a vitalidade.
Doenças do coração-relacionados: Ganoderma lucidum contém os Triterpenes elemento ativo, que pode melhorar a circulação sanguínea e reduzir significativamente a quantidade de substâncias gordas, como colesterol e triglicérides. Este, por sua vez, ajuda a prevenir doenças cardíacas, hipertensão, endurecimento das artérias coronárias e outras doenças cardíacas coronárias.
Outros remédios: Além de prevenir doenças, Ganoderma lucidum tem efeitos hiperglicêmicos e anti-inflamatórias que são particularmente eficazes no tratamento de doenças crônicas, tais como pressão arterial elevada (hipertensão), diabetes, dor de cabeça, problemas nos rins e fígado, etc.

Possíveis efeitos secundários

Sangramento anormal: Ganoderma lucidum contém um ingrediente activo chamado adenosina que pode inibir a agregação de plaquetas e pode também afectar a capacidade de coagulação da trombina nas veias. Como resultado, existe um efeito de diluição do sangue, o que pode eventualmente levar à incapacidade de uma ferida para fechar e curar prontamente. Converse com seu médico se você estiver tomando medicamentos para afinar o sangue.
Pressão arterial baixa: Por causa de seus efeitos hipotensores, o cogumelo Reishi pode interagir com medicamentos para pressão arterial. Algumas pessoas relataram tontura e sensação de cabeça leve, como resultado de tomar Ganoderma. Converse com seu médico se você é hipertenso ou se toma medicação de pressão arterial.
Estômago: Este é o um dos efeitos colaterais mais comuns e podem incluir dor de estômago, náuseas, vômitos e diarréia.
As lesões hepáticas: Um dos efeitos colaterais do Ganoderma lucidum relativamente raros, mas importantes é o seu potencial para causar danos ao fígado. Dois pacientes, um em Hong Kong e outro na Tailândia, onde o uso do cogumelo é generalizada, desenvolveu hepatite fígado depois de tomar lingzhi concentrado, e essa liderança para a morte. Não tome a qualquer forma de cogumelo reishi se você tem uma doença hepática.
Outros efeitos secundários: As reações alérgicas podem causar tonturas, secura da boca, garganta, dores de cabeça, irritações da pele, que pode se manifestar como vermelhidão da pele e erupções cutâneas. Atualmente, não há informações suficientes para saber se é seguro consumir Ganoderma lucidum quando grávida ou amamentando, então melhor evitar nesses estados.

Ganoderma é um dos mais antigos conhecidos medicamentos fitoterápicos. Herbalists usá-lo para alergias, artrite, bronquite, úlcera gástrica, hiperglicemia, hipertensão, hepatite crônica, hepatopatia, insônia, nefrite, neurastenia, esclerodermia, inflamação e saúde do sistema imunológico.

Tradução pessoal e ajuda tradutor, algumas frases podem conter erros ortográficos
Reishi Portugal

Beneficios do Reishi

 

Reishi-mushrooms2

O cogumelo reishi é um fungo que cresce na madeira podre. 

Há mais de 4.000 anos que os chineses usam reishi em medicina, tornando-o um dos cogumelos mais antigos conhecidos para ter sido usado medicinalmente.

Por causa de supostos benefícios para a saúde do reishi e aparente ausência de efeitos colaterais, ele alcançou uma reputação no Oriente como a substância à base de plantas final, mesmo sendo chamado o elixir da vida eterna.

A ciência moderna está apenas começando a explorar os benefícios dos cogumelos reishi, com a maioria das pesquisas sendo realizadas pelos chineses e japoneses, é como se vê,  realmente um alimento potente rico em benefícios, embora ainda temos de aprender o quanto temos que comer para viver para sempre.

Aqui estão nove benefícios de saúde de cogumelos reishi.

Suporte ao sistema imunológico

Cogumelos Reishi podem ser utilizados para reforçar o sistema imunitário.

Em estudos em pacientes com tumores avançados, cogumelos reishi foram prescritos por trinta dias, e os investigadores descobriram um efeito positivo significativo sobre o sistema imunitário com um aumento de linfócitos T CD8 e diminuição da conta.

Além disso, os pacientes relataram menos efeitos colaterais da quimioterapia e da radiação, e mais suave recuperação pós operação.

Estudos também sugerem que o uso regular de cogumelos reishi aumenta os níveis de antioxidantes. Cogumelos Reishi contêm altas concentrações de germânio orgânico, polissacarídeos e triterpenos. Estes componentes têm sido mostrados para fortalecer o sistema imunitário.

Prevenção do Câncer

Estudos têm demonstrado que os cogumelos reishi reforçam a imunidade e combatem a disseminação de células cancerosas.

Alguns estudos laboratoriais mostraram que também podem prevenir a metástase. Ainda não se sabe como o reishi faz isso, mas eles parecem ter como alvo vários estágios diferentes de desenvolvimento do cancro, incluindo a angiogénese (a formação de vasos sanguíneos feitas para o suprimento de nutrientes ao tumor), bem como metástase e a migração das células cancerosas.

Eles também são acreditados para induzir apoptose (suicídio) de células cancerosas, em qualquer caso, a partir de extractos de cogumelos reishi estão a ser utilizados em alguns produtos farmacêuticos comerciais para suprimir a proliferação de células cancerosas e a migração. Estudos sobre células de cancro da mama descobriram que a combinação de cogumelos reishi com chá verde aumenta o poder do cogumelo para retardar o crescimento de células cancerosas.

Baixa Pressão Arterial

As capacidades de redução da pressão arterial de cogumelos reishi foram conhecidos durante séculos. Estudos na China descobriram que os cogumelos reishi melhoram o fluxo sanguíneo e melhoram o  consumo de oxigênio no coração.

Pesquisas japonesas fizeram descobertas semelhantes, que dizem que é devido a uma cadeia de ácidos pertencentes a triterpenos, um grupo de compostos naturais conhecidos para reduzir a pressão arterial, reduzir o colesterol e prevenir coágulos sanguíneos.

Pesquisa russa descobriu que Ganoderma impediu o acúmulo de placa nas paredes das artérias.

Baixar o colesterol

Cogumelos Reishi podem ajudar a reduzir o colesterol fazendo com que o fígado suprima a sua produção. Um estudo do Centro de Pesquisas Nestlé, na Suíça chamou aos cogumelos reishi um renomado de espécies medicinais“.

Em seu estudo em animais, lanosterol oxigenado derivado de cogumelos reishi a síntese de colesterol inibido.

Regula o açúcar no sangue

A pesquisa mostrou que o consumo de produtos com cogumelos reishi tem um efeito significativo de regulação do açúcar no sangue.

Este benefício parece estar em dívida para com os seus polissacarídeos, conhecidos como Ganoderans A, B, e C, mantendo o açúcar no sangue equilibrado e ajuda a evitar muitos dos problemas trazidos pelo diabetes, como a hipertensão, pressão arterial alta, úlceras, acidentes vasculares cerebrais e impotência . Desta forma, os cogumelos reishi ajudam a controlar a diabetes e a combater e melhorar a saúde geral da pessoa.

Herpes e afta tratamento

Evidências preliminares sugerem que os cogumelos reishi podem ter benefícios antivirais.

Eles são relatados para exibir efeitos antivirais directas com o vírus herpes simplex 1 e do vírus herpes simplex 2.

Estes efeitos mostraram ser mais fortes na protecção contra a contracção do herpes e herpes labial, e no alívio de sintomas de excesso de velocidade, alguns estudos japoneses analisaram as propriedades de cogumelos reishi e descobriram que a maioria dos benefícios do fungo parecem derivar a partir de um composto que contêm chamado GLP, o que inibe a replicação virai através da interferência com os primeiros eventos de absorção virai e entrada nas células-alvo.

Anti – Gripal

Evidências preliminares sugerem que os cogumelos reishi pode ter benefícios antivirais. Eles contêm polissacarídeos, que foram notificados a apresentar efeitos diretos sobre o vírus da gripe.

Suporte Cardiovascular

Estudos clínicos e experimentados com animais confirmam que os cogumelos reishi podem dilatar a artéria coronária, aumentar o fluxo sanguíneo e melhorar a circulação nos capilares do músculo cardíaco, aumentando assim o suprimento de oxigênio e energia para o músculo cardíaco.

Cogumelos Reishi podem reduzir o colesterol no sangue e os níveis de triglicéridos e evitar a formação de manchas ateromatosas arteriais. Eles também podem reduzir o colesterol endurecido nas artérias e suavizar a parede do vaso sanguíneo para evitar maiores danos.

Cogumelos Reishi podem ajudar a prevenir acidentes vasculares cerebrais, melhorando a circulação sanguínea e inibição da agregação das plaquetas.

Proteção contra danos da radiação

A pesquisa indica que os cogumelos reishi aumentam os efeitos da terapia de radiaçãoactuando directamente contra o tumor, a investigação revela também que os cogumelos reishi ajudam a fortalecer o sistema imunológico, para melhor gerir a radioterapia e quimioterapia e ajudar a melhorar a qualidade de vida do paciente.

Eles também têm sido utilizados para aliviar os sintomas da quimioterapia, tais como náuseas, vómitos, dores de cabeça, febre, infecções, perda de peso e perda de cabelo.

Fonte – SeayStanford.com

Reishi Portugal

Reishi Ganoderma

Reishi Ganoderma Lucidum

reishiportugal

Levando os tesouros da terra às pessoas do mundo